13 de mai de 2008

Oficina_ Cia. Teatro da Transcendência


Oficina de Teatro:

O Despertar da Consciência Criativa



Esta oficina tem como objetivo colocar o participante em contato com suas potencialidades, abrindo canal para a criatividade e a expressão artística. A partir de exercícios que estimulam o conhecimento do corpo e da voz, o participante interage, de maneira orgânica, com o outro e com a própria subjetividade. Tendo o corpo como ponto de partida serão trabalhados:

- concentração

- escuta

- prontidão

- relação com o espaço

- partitura corporal

- energia e visualização

- improvisações

- leitura de texto

- projeção e articulação da voz

Serão abordados, ainda, o processo de criação e treinamento da Cia. Teatro da Transcendência, bem como a leitura de textos, composição de personagens e cenas.

A oficina será ministrada pela diretora e dramaturga Camila Diehl em cinco encontros de 3 horas cada. Os participantes receberão certificado.





DATAS E HORÁRIO:



Turma A: Terças-feiras, de 19h - 22h

20 de Maio a 17 de Junho de 2008

Turma B: Sábados, de 10h - 13h

24 de Maio a 21 de Junho de 2008



LOCAL:



TEATRO DA TRANSCENDÊNCIA - ESPAÇO DE CRIAÇÃO
R. Pedro Américo nº 45, sobrado – Catete

Rio de Janeiro / RJ



INSCRIÇÕES E INFORMAÇÕES:



Tel. 21 2554-6784 / 9811-5523 / 9301-2785

E-mail: camiladiehl@terra.com.br



INVESTIMENTO:



2 x R$ 100 ou R$ 180,00 (à vista)





*******

CAMILA DIEHL – DIRETORA

Natural de Porto Alegre/RS, Camila Diehl é bacharel em Artes Cênicas, pela Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro - UNIRIO. Especializou-se na área de gêneros e linguagens dramatúrgicas, sob a orientação da Prof. Dra. Ana Maria de Bulhões Carvalho, e desenvolveu um trabalho prático de pesquisa em Dramaturgia Corporal sob a orientação da coreógrafa Prof. Elid Bittencourt. Estudou técnicas literárias com o escritor Antônio Fernando Borges. Aprimorou seus estudos sobre teatro e treinamento do ator a partir de cursos com os diretores Persis-Jade Maravala (Para Active Theatre Company – Londres), Jorge Ramos (Zecora Ura Theatre Network – Londres), Moacir Chaves, Thierry Trémouroux e Paulo de Moraes. É dramaturga, diretora, atriz e produtora e, desde 2004, vem desenvolvendo um trabalho autoral que culminou com a fundação da companhia Teatro da Transcendência. Em setembro de 2007 lançou seu primeiro livro "O Teatro da Transcendência – cinco peças", pela editora Ibis Libris, que reúne os textos das cinco primeiras montagens realizadas pelo grupo.



*******

CIA. TEATRO DA TRANSCENDÊNCIA


A companhia Teatro da Transcendência é voltada exclusivamente para a construção de um repertório original. Dando continuidade a um processo de trabalho que se caracteriza por intensa investigação artística, tanto teórica como prática, o grupo aposta na poética da palavra e da encenação, somada à linguagem da música e do corpo, para desvendar a natureza humana. Os temas abordados são atemporais e místicos, buscando transcender o cotidiano e a realidade, a racionalidade e a matéria, fazendo deste ideal a essência da concepção artística da companhia.



Sobre a criação dos espetáculos é relevante destacar o trabalho minucioso de construção de personagem ao longo dos ensaios, através de exercícios, improvisações e leituras teóricas ligadas aos temas. Tendo como referência a estética e os métodos de criação e treinamento de autores como Grotowski, Peter Brook, Eugenio Barba, Pina Bausch, a direção se propõe a explorar as múltiplas capacidades do corpo, voz e psiquismo do ator, em uma condução orgânica, rompendo bloqueios e enfatizando as particularidades de cada artista.



O Teatro da Transcendência tem em seu currículo 7 montagens, todas realizadas na cidade do Rio de Janeiro: Lilith, baseada na história mitológica da primeira mulher do universo (2004). Ecos da Alma, uma fábula sobre a impossibilidade do amor (2004 / 2005). Aeternitatis, tríade de peças inspiradas no mito de Eco e Narciso (2005). Sistema Quântico, o encontro de cinco personagens sob o olhar da física quântica (2005). Silenciosas Sentinelas de Pedra, uma trágica história ambientada em um casarão sombrio (2006). Amêndoas e Caracóis, inspirada na jornada de vida do ser humano através dos Arcanos Maiores do Tarot (2007). Eres Kigal – esculturas, espetáculo-exposição em que um artista exibe suas excêntricas obras de arte (2007).





SITE DA CIA.: http://paginas.terra.com.br/arte/teatrotranscendencia

Nenhum comentário: